Esmeralda gigante de 1,3 m e 360 Kg é encontrada na Bahia

Esmeralda gigante de 1,3 m e 360 Kg é encontrada na Bahia
Esmeralda Gigante (Foto: Reprodução)

 

Se um anel, brinco ou pingente de esmeralda valem uma pequena fortuna, o que dizer de uma peça do mineral com 1,3 metro de altura e 360 quilos? Pois é, essa preciosidade existe e foi encontrada a 200 metros de profundidade na Bahia, no município de Pindobaçu, norte do Estado.

A esmeralda já foi vendida, mas o valor não foi divulgado.  Essa foi a segunda vez que uma pedra gigante é encontrada no local. A primeira foi descoberta há 16 anos, tinha 20 kg a mais, foi avaliada em cerca de R$ 1 bilhão e vendida para alguém dos Estados Unidos. Por aí dá para imaginar o preço dessa.

A Cooperativa Mineral da Bahia é a felizarda com autorização para explorar a área. A descoberta já tem 25 dias, mas só foi anunciada no início dessa semana. O advogado da mineradora Márcio Jandir, disse que o cliente já providenciou documentação para legalizar a propriedade da pedra adquirida por ele.

“Nós já fizemos toda a emissão do certificado de origem, exigência do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM). O documento já foi emitido. Hoje o proprietário da pedra está autorizado a transitar com ela em território nacional e, obviamente, ele almeja fazer exposições com a pedra e apresentar em museus e bibliotecas”, disse o advogado.

Em 2001, a venda e translado foram feitos ilegalmente. Isso resultou em disputa judicial entre Brasil e Estados Unidos. Em 2015, os Estados Unidos venceram a causa.

Comentários

Ir ao topo da página