Lídice quer apenas o que lhe é devido: sua vaga na chapa

Sem mencionar nome do deputado, a senadora Lídice da Mata (PSB), que almeja disputar a reeleição na chapa encabeçada pelo governador Rui Costa (PT), criticou a possível candidatura do presidente da Assembleia Legislativa, Ângelo Coronel (PSD).

Licide da Mata
Licide da Mata (Foto: Secom)

Segundo o portal bahia.ba, Lídice, afirmou em discurso nesta sexta-feira (13), em Alagoinhas, que era necessário “reforçarmos o nosso campo, que é o campo progressista”. A fala é uma referência à trajetória política de Coronel, traçada em partidos de centro e direita.

Como a candidatura de Jaques Wagner (PT) ao Senado é dada como certa, caso o petista não seja alçado à condição de “plano B” presidencial do Partido dos Trabalhadores, restaria apenas uma vaga na chapa de Rui para concorrer à câmara alta do Congresso.

“Precisamos ter a certeza de que vamos ter, no Senado Federal e na Câmara, gente que defenda as nossas opiniões a favor do povo. Aprendemos isso com a saída de Dilma”, continuou Lídice.

A provável presença do presidente da Alba em detrimento da socialista na chapa é vista com reserva por parte da militância de esquerda.

Em sessão solene em apoio ao ex-presidente Lula (PT) nesta sexta, Coronel discursou como fervoroso defensor do petista.

Comentários

Ir ao topo da página