Somos o Extremo Sul da Bahia

O nosso portal brotou de um jeito diferente. Surgiu de uma simples conversa entre jornalistas e publicitários sobre a comunicação em tempos de redes sociais e acerca dos caminhos trilhados pela imprensa do Extremo Sul. Aí então, juntamos a paixão pela vida “em tempo real” da internet com o forte desejo de fazer jornalismo de qualidade. Deu no que deu.

Foram horas e horas de trabalho. Muita transpiração e, também, muita inspiração! Daí, até o fechamento da ideia, passaram-se meses. Não faltaram noites de empenho, muito café, pizzas, brigas, risadas, causos, lembranças. Cada um contando suas histórias, suas experiências, contribuindo para construir uma ideia inovadora.

Zumbido do besouro

Entre tantas idas e vindas, só uma coisa não mudou: a certeza de que os nossos olhares deveriam estar voltados sobretudo para os 21 municípios do “estado” do Extremo Sul. Com seus mais de 1 milhão de habitantes, a região tem uma população maior do que a de alguns estados brasileiros. E dessa unanimidade, veio o nome. Tão simples quanto os Souza, Silva e Santos, o nosso jornal eletrônico nasceu Extremus21.

O passo seguinte foi definir a nossa linha editorial. Decidimos reafirmar os valores insubstituíveis do jornalismo: a VERDADE, que é o nosso lastro; a INFORMAÇÃO, a nossa matéria-prima; a CULTURA, nossa fonte de inspiração; além do compromisso com a INOVAÇÃO e a HUMANIDADE. Esses princípios são guarnecidos por uma bandeira maior: a ÉTICA, companheira do jornalismo “como o zumbido é do besouro”, máxima do mestre Gabriel Garcia Marques.

Sem nenhum ismo

Para dar conta do recado, montamos nosso time com jornalistas experientes na cobertura diária, contando também com a parceria de colegas em Brasília, São Paulo, Salvador, Belo Horizonte e Vitória. Ainda escalamos os blogueiros, uma galera antenada nos mais diferentes assuntos, desde a simples vida cotidiana até os acontecimentos no mais alto escalão do poder. E pra completar, o Extremus21 vai ter a sua própria rádio web, transmitida em áudio e vídeo.

Somos a favor da liberdade de expressão. Somos contra toda forma de partidarismo, academicismo, achismo e, sobretudo, de sectarismo. Se você é dessas pessoas que procuram o “ismo” de tudo, provavelmente, vamos te decepcionar.

Bem-vindo! Ter você como leitor, é, no fim das contas, a nossa razão de ser Extremus21.

Comentários

Ir ao topo da página