Terça, 14 de Julho de 2020 22:19
73999520088
Cidades ELEIÇÕES 2020

Cenário eleitoral de Eunápolis está praticamente decidido

Caso Robério não possa ser candidato por questões jurídicas – o mais provável – ele vai indicar o (a) sucessor (a) dentro do próprio grupo político, fazendo ou não alianças mais amplas.

06/01/2020 15h21
101
Por: Redação Fonte: BAHIA40GRAUS
Cenário eleitoral de Eunápolis está praticamente decidido

Não adianta criar factóides com candidaturas avulsas e balões de ensaio, o cenário eleitoral em Eunápolis está praticamente definido em 2020 e vai repetir a polarização entre o prefeito Robério Oliveira (PSD), cujo registro da candidatura ainda é a maior dúvida, e Cordélia Torres (a caminho do DEM), que tenta a eleição pela 3ª vez. 

Caso Robério não possa ser candidato por questões jurídicas – o mais provável – ele vai indicar o (a) sucessor (a) dentro do próprio grupo político, fazendo ou não alianças mais amplas. 

De camarote

Já Cordélia, na oposição, está de camarote com o lugar garantido na polarização e deve anunciar em breve sua filiação ao Democratas, partido do prefeito de Salvador, ACM Neto. A disputa dos grupos do prefeito e oposição também se repete no campo ideológico entre o time do governador Rui Costa (PT) contra o time do prefeito ACM Neto (DEM).

3ª Via

Quanto ao grupo da 3ª via, há rumores de que o ex-prefeito Neto Guerrieri poderá viabilizar sua candidatura, contando com um recurso judicial, uma vez que ele está inelegível por ter as contas reprovadas na Câmara de Vereadores. Caso consiga a proeza, poderá substituir Robério na posição de adversário de Cordélia, uma vez que os 2 já marcharam juntos em 2012 quando Neto se elegeu prefeito. 

Fora o imponderável, o cenário de outubro próximo será: Cordélia contra Robério ou algum (a) candidato (a) indicado (a) e apoiado (a) por ele, que pode ser a nova 3ª via.

Como se diz na política, todo o resto é perfumaria.

Ele1 - Criar site de notícias